Médico sanitarista diz que Dr. Ivan Cavalcanti já tinha vencido a Covid-19

Por:

Médico sanitarista, Venilton Holanda.

O médico sanitarista, Venilton Holanda, disse à imprensa, na tarde deste domingo (13), que o bioquímico, Ivan Cavalcanti, que faleceu neste domingo, não estava mais com o coronavírus. “A morte de Ivan foi provocada pelas sequelas deixadas pela Covid-19”, disse Dr. Venilton.

Venilton, que era muito amigo de Ivan, afirmou que foi um dos que o orientou a se tratar em João Pessoa, mas depois não teve mais contato com ele.

Dr. Ivan Cavalcanti tinha 66 anos e estava internado há mais de uma semana em um hospital particular de João Pessoa. Ele teve morte cerebral confirmada na tarde de ontem e neste domingo (13) foi confirmado o falecimento.

Logos após a morte de Ivan, a sociedade cajazeirense se manifestou rapidamente por meio das redes sociais e emissoras de rádio da cidade, lamentando a perda de um grande lutador pelas causas nobres da Terra do Padre Rolim e pela saúde e bem estar das pessoas.

O bioquímico, Ivan Cavalcanti, que faleceu neste domingo (13), aos 66 anos de idade.

Nascido em Cajazeiras, filho único de Agostinho (em memória) e Terezinha Cavalcanti, o bioquímico Dr. Ivan Cavalcanti, era casado com Alcineide Mangueira, com quem teve dois filhos e era um dos mais conceituados profissionais do interior do Nordeste e seus laboratórios, espalhados em cidades dos estados da Paraíba e Ceará, são detentores de credibilidade e respeito na área de análises clínicas.

Radar Sertanejo

Notícias relacionadas:

Cidades
Paraíba
Paraíba