‘Cabeçada’: em nota, Julian Lemos diz que agiu em defesa das mulheres

Por:
'Cabeçada': em nota, Julian Lemos diz que agiu em defesa das mulheres

Foto reproduçãol

O deputado federal Julian Lemos protagonizou, na noite desta quarta-feira (29) uma confusão com o também deputado Expedito Netto. Julian se exaltou após o Netto esbarrar nele enquanto conversava com outros deputados. Em vídeo compartilhado nas redes sociais, o paraibano aparece dando uma ‘cabeçada’ no parlamentar de Rondônia.

Nesta quinta-feira (30), após a repercussão do fato, o parlamentar usou seu perfil numa rede social para emitir nota, dando sua versão a respeito do fato ocorrido.

Na nota, Julian alega que não houve ato de violência. “Não houve agressão física pois não se percebe naquele momento nenhum movimento brusco”. E acrescenta que agiu para defender as mulheres. “Se tratava de agressões que queriam desmerecer a Presidente por ser mulher”, declarou.

De acordo com informações da revista Época, Expedito Netto declarou que vai denunciar o paraibano no Conselho de Ética.Confira nota na íntegra:

Nota sobre o episódio de ontem.

Na noite desta quarta feira (29) durante uma acalorada sessão plenária que votava destaques de importantes medidas provisórias para o futuro da nação, membros da oposição ao Governo e ele (Deputado Expedito Netto) vinham agredindo verbalmente a Deputada Geovânia de Sá que presidia a sessão. As ofensas chegaram a tal ponto, que até mesmo as deputadas da oposição ao Governo saíram em defesa de Geovânia por entender que ali se tratava de agressões que queriam desmerecer a Presidente por ser mulher.

Ao ser repreendido de maneira pública pela Presidente da Mesa, ele se dirige transtornado (como se vê no vídeo) à mesa para continuar suas ofensas e acaba por esbarrar no Deputado Julian Lemos – PSL/PB. Neste momento, Julian Lemos é escolhido para ser alvo de suas ofensas que não devem ser transcritas aqui, por respeito as famílias e ao decoro parlamentar. Julian Lemos se aproxima de Netto e de maneira dura e séria exige respeito a ele e a presidente. As imagens não deixam dúvida de que não houve agressão física pois não se percebe naquele momento nenhum movimento brusco por parte de Julian Lemos.

Por fim, este episódio deixa claro, que para aqueles que estão contra o progresso do país, vale tudo, até mesmo diminuir uma parlamentar por ser mulher.

Julian Lemos Deputado Federal.

Secom

Redação com PB Agora

Notícias relacionadas:

Política
Paraíba
Policial