A população mundial e a influência das redes sociais

A população mundial de diversas idades e principalmente os jovens e adolescentes estão diante de vários meios de comunicações sociais, como: Facebook, atingindo em média de 130 milhões de usuários brasileiros e já conquistou o posto de rede social mais popular do mundo. No Brasil, o facebook passou a ser destaque a partir de 2012. Outras redes sociais como o WhatsApp, YouTube, Instagram, Twitter, o Google+ e ainda existem outras meios interativos desconhecidas por boa parte da população de internautas de todo o universo.

Muitas pessoas e de forma geral curtem a televisão e a Internet já com grande frequência, são esses meios que estão influenciando uma imensidão de pessoas adultas e a maioria dos jovens, e partes deles estão sendo influenciados e cometendo diversas desordens. Os jovens e os adolescentes não devem desprezar estes meios informativos, mas selecionar o que vai consumir e está sempre atentos as causas e as consequências das informações recebidas. Cuidado com as orientações que vão receber, melhor é ouvir os pais, quando os pais não têm conhecimentos, cuidado para não buscar lá fora pessoas erradas, ainda é melhor ouvir os seus genitores, eles só querem o seu bem. Quando for buscar informações na internet, cuidado! Analise bem e procure usufruir apenas o que é mais importante para a construção do seu conhecimento e o engrandecimento da sua vida. Não adianta pensar que sabe tudo, a maioria dos jovens têm o raciocínio rápido e imagina ter acertado, mas no fim, cometem erros terríveis e às vezes com muita dificuldade de reversão. O melhor é analisar com cautela, se preocupar com o que faz e ter cuidado na hora de agir. Os adolescentes na sua grande maioria, já despertando o interesse sexual, pensam saber tudo, mas na maioria dos casos estão perdidos, porque muitas informações oferecidas através dos meios de comunicações são repassadas de maneira errada, favorecendo interesses individuais de A ou B. Muitos jovens estão entrando no campo da experiência sexual mal informado, sem levar em considerações os valores familiares e éticos e nem pensam nas obrigações que deve assumir no momento de uma gravidez. A criança que está sendo gerado não tem culpa e deve ser cuidada com carinho e responsabilidade pelo casal gerador. E como fica a sua vida de curtição tendo que assumir um filho, que por sinal, é obrigação do pai e da mãe. Cuidado para não seguir a vida com base em uma realidade alienada, “o curtir a vida e acompanhar os tempos modernos”. Vale lembrar que no momento do bem bom ninguém se lembra do futuro, não estou dizendo que é errado curtir a vida, mas não esqueça que além do prazer, existe uma vida que você pode gerar. Não deixe de curtir, mas tenha em mente a possibilidade que deve assumiu, e dependendo de suas ações até a destruição de sua vida de curtição, casado ou assumindo um relacionamento, o correto é lembrar: casado é casado e solteiro é solteiro, se gerou um filho começa uma nova vida, saiba administrar que será tudo bem. Nunca se esqueça de lembrar o que pode acontecer com sua vida e de seus familiares, construir uma família é presente de Deus, mas no tempo certo.

Se houver envolvimento com drogas ilícitas, bem como droga lícita como bebida alcoólica, dificilmente uma família tem total felicidade, principalmente se a quantidade de dose ingerida for acima do normal, a vida de alegria depende de nossas ações e a conveniência com Deus. Quem tem Deus na mente sempre tem amor e tolerância, se defende do mal com diplomacia e amor, “fazer o bem sem olhar a quem” nunca é demais, se o homem da Terra não reconhecer o homem do céu lhe dará a glória nos dias finais. Quando você procura fazer o bem, Jesus derrama as graças do seu amor, todas as dificuldades se vão e reina apenas amor e harmonia em seu dia a dia, só precisa ter fé e agir através das boas ações, o resto Deus se encarrega de mandar na hora certa, lembre-se, a nossa hora dificilmente é a hora de Deus, mas ele sabe o que é melhor para nós na hora certa. Amém para sempre.

Francisco Inacio de Lima Pita

Francisco Inácio de Lima Pita

Francisco Inácio de Lima Pita

Pita é Radialista e Professor Licenciado em Ciências e Biologia pela UFPB e UFCG respectivamente. Atualmente é professor da rede estadual de ensino. Participa todos os sábados de programa informativo na Rádio Terra Nova FM, 88,7 MHz.
pita.sjp@ig.com.br