DENÚNCIA

Médico que teria negado atendimento a pacientes suspeitos de Covid é afastado do Hospital Regional de Cajazeiras

HRC registra novos óbitos

A direção do Hospital Regional de Cajazeiras (HRC), através de Manoel Telamon (Telminho), emitiu nota nessa terça-feira (18), sobre a polêmica de suposta negativa de atendimento médico a pacientes suspeitos de coronavírus. O fato foi denunciado por pacientes, onde informaram que o médico plantonista da Ala Covid teria se negado a atender os pacientes que aguardavam atendimento.

- PUBLICIDADE -

Veja nota!

Vimos através desta, esclarecer sobre o ocorrido na noite dessa última segunda feira (17), e sobre as providências adotadas por esta direção: Diante dos fatos narrados através de denúncias, sobre o ocorrido de que, um profissional médico do Hospital Regional de Cajazeiras, plantonista da Ala Covid, no período noturno na data 17/01/2022 (segunda feira), onde usuários do serviço relataram que o mesmo (médico) havia se negado atender os pacientes que aguardavam atendimento, deixamos claro que, tal ato, não é recomendado pela direção desta casa de saúde, tampouco pela Secretaria de Estado da Saúde. Após a gestão tomar conhecimento do caso, o profissional médico envolvido, foi ouvido e afastado de suas funções para que possamos apurar de forma administrativa, o que de fato ocorreu.

É importante reforçar que, mesmo com a situação exposta, mantemos o nosso compromisso de atender todos os pacientes que apresentam perfil desta instituição, tanto os de fluxo habitual, como também, pacientes com sintomas respiratórios. O Hospital Regional de Cajazeiras, prima pela humanização, bom atendimento e acolhimento aos nossos usuários, acima de tudo.

Reforçamos a população da cidade de Cajazeiras e região que, ao apresentar casos leves de sintomas gripais, procurem as Unidades Básicas de Saúde para receber o atendimento adequado, para não sobrecarregar os profissionais e o serviço, evitando assim, longas filas e falta de leitos para a assistência adequada de todos. Pacientes com essas características são de responsabilidade das Unidades Básicas de Saúde.

Radar Sertanejo

Deixe uma resposta