CovidFest: perfil é criado para denunciar aglomerações

Por:

Em meio a pandemia no novo coronavírus, o perfil no Instagram @BrasilFedeCovid denuncia aglomerações em shows e festas que estão ocorrendo pelo Brasil, durante o verão 2020-2021. O perfil, que já tinha mais 27 mil seguidores até a tarde do dia 31 de dezembro, mantém postagens atualizadas de até 48 horas da ocorrência do evento.

Nos vídeos, as pessoas aparecem sem distanciamento, e sem o uso de máscaras, desobedecendo regras sanitárias para combater a disseminação do novo coronavírus. No Nordeste, o perfil já denunciou casos no Piauí e em Jericoacoara, no Ceará.

As imagens publicadas são feitas por colaboradores da página, ou retiradas de perfis abertos no Instagram. O perfil também publica notícias sobre o número de casos do Covid-19 no país.

Nos perfis seguidos, o Brasil Fede Covid segue somente a conta do Ministério Público Federal. Os administradores também usam o espaço para exigir medidas de governantes, como foi o caso do prefeito reeleito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira (Podemos), marcado em uma publicação que denunciava um evento no município.

Cantores e bandas que estão se apresentando nas comemorações também são expostos, como foi o caso de Dennis DJ, Pedro Sampaio, Léo Santana, Thiaguinho e o grupo Menos é Mais.

Em uma publicação comentando a participação dos artistas, o perfil escreveu: “Prestem atenção em uma característica bem interessante. Nenhum dos artistas que estão participando da CovidFest 2020/2021 publicaram os shows em suas redes sociais. Seria vergonha ou peso na consciência? Se sabem que estão errados, por qual motivo participar? Ganância?”.

.

Notícias relacionadas:

Política
Policial
Paraíba