Após acidente envolvendo três vítimas fatais, taxista de Cajazeiras é achado morto

Por:

Polícia Civil de Sousa investiga causa da morte de Cícero Gomes de Abreu.

O taxista e ex-radialista de Cajazeiras, Cícero Gomes de Abreu, mais conhecido como Rodrigo Abreu foi encontrado morto no final da tarde desta segunda-feira (14) em um matagal no Sítio Conceição, zona rural de Sousa, Sertão paraibano. O corpo da vítima apresentava sinais de violência e uma corda amarrada ao pescoço. Nos anos das décadas de 1990 e 2000, Rodrigo exerceu a profissão de radialista em emissoras de rádio de Sousa e Cajazeiras.

A Polícia Civil de Sousa apurou que na noite deste domingo (13) o taxista se envolveu em um acidente de trânsito no trecho urbano da BR 230 em Sousa que culminou com a morte de três ciganos. São eles: Pedro Bernardone, conhecido como “Reizinho Cigano”, de 38 anos de idade, Cícero Cristiano Cabral, conhecido como “Cristiano”, de 34 anos e Francisco Wellington Pedro Maia Cabral, de 8 anos de idade, filho de “Cristiano”.

O taxista que residia na cidade de Cajazeiras, dirigia um veículo modelo Línea de cor preta e placas QFB 5H50 quando bateu na traseira de uma motocicleta de cor vermelha e ocupada por quatro pessoas. Apenas o menino Raimundo Nonato Silva Lima, de 4 anos de idade escapou no acidente. Ele está hospitalizado na área amarela do Hospital Regional de Sousa, porém sem risco de morte.

A Polícia Militar e a perícia de local de crime estão realizando levantamentos para tentar descobrir as circunstâncias da morte do taxista e ex-comunicador. O corpo dele foi encaminhado para o NUMOL do IPC para realização de exame cadavérico. Até o momento não há pistas sobre a autoria do crime. O caso será investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Sousa.

.

Blog do Levi

Notícias relacionadas:

Cidades
Paraíba
Paraíba