Morre de Covid-19 o médico Dr. Orlando, patoense que trabalhou em São José de Piranhas

Por:

Na imagem o ex-prefeito de Várzea, Dr. Orlando Damascena.

Morreu na madrugada desta quarta-feira (20), vítima da Covid-19, o médico ginecologista e ex-prefeito de Várzea, município localizado na Região Metropolitana de Patos, doutor Orlando Damascena. Ele tinha 71 anos de idade e estava internado no Hospital da Unimed, em João Pessoa.

A recomendação foi para que o sepultamento do corpo fosse sem velório, devido as restrições sanitárias impostas pela pandemia do novo coronavírus.

Sobre Dr. Orlando

O médico foi eleito prefeito de Várzea de 1997 à 2000. Ele era um dos ginecologistas mais respeitados do Sertão paraibano e dirigia a Clínica Ginecan, em Patos. O atual prefeito Toninho Medeiros lamentou a morte e deve decretar luto oficial pela morte do ex-gestor.

Ao trabalhar em São José de Piranhas, ele fez muitas amizades e ficou muito popular. Durante certo período de tempo se tornou um dos médicos mais requisitados na cidade, onde atuou também na Fundação Hospitalar, hoje Hospital Municipal.

Radar Sertanejo mais Wscom

Notícias relacionadas:

Política
Política
Cidades