Estabelecimentos tidos como essenciais precisarão de autorização do Procon para funcionar em Sousa

Por:

O município de Sousa vai impor regras mais duras para quem descumprir as determinações do novo decreto municipal.

Em pronunciamento, através de live realizado no fim da tarde desta segunda-feira (11), o prefeito Fábio Tyrone, disse que o Procon Municipal vai visitar e verificar as condições de funcionamento de todos os estabelecimentos comerciais tidos como essenciais na cidade de Sousa. A fiscalização vai ocorrer entre os dias 12 e 13 de maio.

O prefeito disse que todos os protocolos devem ser cumpridos rigidamente em face da pandemia do novo coronavírus. Caso contrário, o estabelecimento poderá pagar multa que varia de um até 10 salários mínimos, podendo ter até a cassação do alvará. Somente depois da visita o Procon emitirá uma autorização para funcionamento.

O prefeito disse que essa é uma medida dura, mas, extremamente necessária para conter o avanço do coronavírus no município. Assista a live ao vídeo acima.

Radar Sertanejo

Notícias relacionadas:

Paraíba
Paraíba
Cidades