Carrapateira abre XIII Semana Cultural em alusão aos 58 anos do município (fotos)

Por:

Um dos estandes na abertura da XIII Semana Cultural.

A Prefeitura de Carrapateira, no Sertão paraibano, está promovendo a décima terceira edição da “Semana Cultural” no município. As atividades acontecem de 7 a 10 de dezembro e tem o objetivo de fomentar e incentivar mais ações culturais para que haja interação entre os moradores da cidade.

Com a presença maciça de grande público, as festividades em comemoração aos 58 anos de emancipação político-administrativa do município foram abertas pela prefeita Marineide de Dedé e toda equipe do governo municipal e colaboradores, nesse sábado (7).

Depois da Alvorada Festiva, houve a solenidade de abertura das festividades, inauguração da ornamentação natalina na praça pública e abertura oficial da Feira Cultural, que tem como tema “Universo Cultural, Educação que Transforma”.

Em seguida, foi aberto o Circuito de Estandes para visitações, que destaca, entre outras coisas, Brincadeira Infantil, Restaurante Literário, Reciclagem, Alimentação Saudável, Cuidado com o Meio Ambiente, Nossa Arte Nossa Gente, Jogos Interativo: tecnologia inteligente, Circuito, Dança como manifestação artística cultural, História Afrodescendente: Passado e Presente, Raça não tem cor, Planeta Sustentável, Robótica, Vida: aqui tem grupo da terceira idade, além de música durante toda a noite. Parte das atividades foram realizadas por alunos das escolas municipais.

Na abertura da Semana Cultural a mestra e historiadora Ana Tavares de França, juntamente com a geógrafa Francisca Pereira da Silva, abordaram um tema voltado para o preconceito racial, mostrando a importância do negro africano trazido para o Brasil como escravos, muitos deles reis e rainhas.

Mestra e historiadora Ana Tavares de França.

O tema “Raça não tem cor” faz alusão à valorosa cultura que o Brasil possui, a diversidade aos escravos que vieram da África para tornar a cultura brasileira diversificada. Os africanos contribuíram para a cultura brasileira em uma enormidade de aspectos: dança, música, religião, culinária, idioma dentre tantos outros aspectos, tornando o povo brasileiro mais rico na diversidade cultural.

“Foi um momento grandioso para nossos alunos, nossa comunidade e nossa Cultura”, declarou Ana Tavares.

Veja galeria com fotos de todas as estandes, abaixo

Outras ações diferentes estão na programação, que segue nos dias 8, 9, 10 e na quarta-feira, 11 de dezembro, quando o município completa 58 anos. Neste dia, haverá Missa Solene na Igreja Santo Afonso, às 9h00 da manhã, e à noite a prefeita Marineide de Dedé está colocando em praça pública o cantor das multidões, Edson Lima e Banda Gatinha Manhosa, o cantor Gegê Bismarck, que foi o grande destaque paraibano no São João de Campina Grande, a atração regional Luan Pakerô, além de Serginho Pisada Show e Henrique cantor.

“Eu quero convidar os nossos munícipes e os irmãos das cidades vizinhas para participar dessa grande festa”, disse a prefeita Marineide. Carrapateira é uma das cidades mais acolhedoras do Sertão da Paraíba.

Por: Dida Gonçalves
www.radarsertanejo.com
(*Fotos: Ana Tavares)

Notícias relacionadas:

Policial
Cidades
Paraíba