VÍDEO: vereadora Raíssa, filha de Zé Lacerda, detona proposta de Estela que retira leitura bíblica no início das sessões na ALPB

Por:

A vereadora em João Pessoa, Raíssa Lacerda (PSD), criticou a proposta da deputada Estela Bezerra (PSB), para retirar da leitura bíblica no início das sessões na Assembleia Legislativa. A filha de Zé Lacerda fez uma defesa da leitura bíblica, ressaltando o poder libertador da Palavra de Deus. Para ela, há outros assuntos importantes para a Estela se preocupar, a exemplo da saúde, onde pessoas morrem nas filas à espera de tratamento.

“Tem tanta coisa melhor para um deputado se preocupar do que tirar a palavra de Deus, que alimenta, salva e liberta. Tem gente morrendo em fila de hospital, tomando soro em pé. Tem tantas melhorias que o Estado precisa. A palavra de Deus é a única que não cai por terra. Somos autoridades constituídas por Deus. Encontro com pessoas nas ruas dizendo que o Salmo lido em determinada sessão foi pra ela. O Estado é laico, mas é cristão. Deixo meu repúdio a essa iniciativa que quer tirar a palavra de Deus da ALPB”, enfatizou Raíssa Lacerda.

A deputada Estela Bezerra apresentou Projeto de Resolução que substituía a leitura especificamente da Bíblia, no início das sessões do Legislativo Estadual, pela leitura de “algum texto da religião professada, ou escolhida por qualquer membro desta Casa, bem como prece ou oração das religiões não codificadas”. O projeto, que pretendia abarcar todos os credos nas sessões, foi rejeitado na Comissão de Constituição e Justiça da ALPB.

 

 

Radar Sertanejo + Blog do Anderson Soares

Notícias relacionadas:

Cidades
Paraíba
Esporte