Depois de 50 anos, Radar Sertanejo ajuda homem encontrar irmãos e familiares no Sertão da PB; confira

Por:

João Basílio Damaceno, de 64 anos, ficou 50 anos sem ter notícias da família.

Esta semana o portal Radar Sertanejo publicou uma matéria sobre o senhor João Basílio Damaceno, de 64 anos, natural da cidade sertaneja de Piancó, na Paraíba, que foi embora aos 14 anos e nunca mais teve nenhum contato com os familiares.

Apesar de muito jovem naquela época, João Basílio andou por Craíbas, Coruripe, Delmiro Gouveia, Dois Riachos e Feira Grande no Estado de Alagoas. Na Paraíba ele chegou a passar por Coremas, Cajazeiras e continuou sua caminhada, chegando ao estado do Piauí, onde constituiu família e vive até os dias atuais na na cidade de Baixa Grande do Ribeiro.

Menos de 24 horas após a publicação do Radar, mais de 30 pessoas entraram em contato com seu João Basílio, que até já tinha perdido o sono e a esperança de encontrar sua família. Ele descobriu seus irmãos, irmãs, sobrinhos e parentes que moram na cidade de Coremas no Sertão paraibano.

A busca pelos familiares que durava meio século terminou com um final feliz. Veja nas fotos abaixo alguns dos familiares que já mantiveram contato João Basílio Damaceno, que agora conta os dias para viajar e reencontrar seus irmãos.

Na foto, os irmãos: Antônio e Creusa, além de uma sobrinha de João Basílio Damaceno que já mantiveram contatos.

Mais irmãs, além de primos e parentes próximos também foram localizados.

Radar Sertanejo

Notícias relacionadas:

Policial
Policial
Paraíba