Depois do prefeito, secretário de Serra Grande cai em golpe de R$ 60 mil

Por:

Sede da Prefeitura de Serra Grande.

O prefeito Jairo Halley de Moura Cruz (PSDB), da cidade de Serra Grande, no Sertão paraibano, procurou a Polícia Civil para denunciar que teve o número do celular clonado. O crime foi percebido na última quarta-feira (7). Ele também denunciou que, por causa disso, um secretário fez transferências no valor total de R$ 60 mil, após ser enganado por golpistas.

De acordo com a Polícia Civil, no dia da denúncia o prefeito contou que desde o dia anterior percebeu que o celular estava sem sinal. Ele contou que achou inicialmente que seria um problema com a operadora de celular que ele usa. Porém, depois percebeu que se tratava de um golpe.

Segundo o prefeito, após o celular ficar sem rede, o secretário de finanças da Prefeitura de Serra Grande recebeu mensagens do número do prefeito por um aplicativo pedindo para que ele fizesse transferências bancárias. Conforme o relato do prefeito, primeiro foi feita uma transferência no valor de R$ 45 mil e depois uma segunda transferência no valor de R$ 15 mil, totalizando R$ 60 mil. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

.

G1 PB

Notícias relacionadas:

Cidades
Política
Cidades