Familiares, amigos, políticos e uma multidão se despedem do pai do prefeito Chico Mendes

Por:

Missa de corpo presente na igreja do Distrito de Bom Jesus.

Familiares, amigos, políticos e uma multidão de pessoas prestaram a última homenagem ao senhor José Ribeiro Campos (Tio Zé), pai do prefeito Chico Mendes, no distrito de Bom Jesus, município de São José de Piranhas, no final da tarde desta terça-feira (09).

José Ribeiro Campos foi velado até o meio dia na Central de Velório Memorial Esperança, ao lado do Hospital Regional, em Cajazeiras. Durante a tarde, no distrito de Bom Jesus, onde foi celebrada uma missa de corpo presente pelo padre Dalmir Cornélio na igreja São Nicolau. A cerimônia fúnebre reuniu gente das cidades de São José de Piranhas, Cajazeiras, Carrapateira, Sousa, mas também de outros municípios.

Durante a missa, o deputado estadual Jeová Campos, emocionado, falou sobre o exemplo de vida de Tio Zé, como ele carinhosamente chamava, e o descreveu como uma pessoa honesta, que muito trabalhou e deixou seus ensinamentos para os filhos e a lição de um exemplo de vida a ser seguido.

O cortejo saiu da igreja em direção ao cemitério por volta das 17h45.

Sob aplausos, o caixão saiu em cortejo da igreja até o cemitério do distrito acompanhado por uma multidão de pessoas para dar o último deus.

Durante o velório estiveram presentes, o prefeito de Sousa Fábio Tyrone e o vice-prefeito Zenildo Oliveira, deputado Jeová Campos, deputado Júnior Araújo, ex-prefeito Carlos Antônio, ex-prefeita Dra. Denise, vereadores e presidentes de câmaras municipais, políticos de várias cidades da região e amigos da família.

Durante o dia, o prefeito de Cajazeiras, José Aldemir, usou a imprensa para em nome dele e da deputada Paula, se solidarizarem com a família. “Quero nesse momento me solidarizar com o colega Chico Mendes pela perda irreparável de Seu Zé Ribeiro, que fez história em sua terra natal conduzindo sua família no espírito de unidade, amor e solidariedade”, disse.

O Sr. José Ribeiro Campos faleceu por volta de 1h40 da madrugada da terça-feira, dia 9 de julho, no Hospital Regional de Cajazeiras

Por Dida Gonçalves
Radar Sertanejo

Notícias relacionadas:

Cidades
Brasil
Política