Suspeito de matar jovem nesta Sexta Santa em São José de Piranhas é preso em flagrante

Por:

Vítima e suspeito do homicídio – Foto: Polícia Militar

Por volta das 3h30 da madrugada desta Sexta-feira da Paixão (19), a Central de Comunicações da Companhia de São José de Piranhas recebeu, através do número de emergência – 190, uma informação dando conta de que havia um corpo caído ao solo no bairro São Sebastião, saída para o Distrito de Piranhas Velha, quando, de imediato, as guarnições de serviço foram averiguar a informação.

Chegando ao local a guarnição confirmou que o pedreiro, José da Silva Oliveira, conhecido como Dedé, filho de Moça Branca, já estava em óbito vítima de perfurações de arma branca. As guarnições iniciaram diligências e chegaram ao suspeito de iniciais J.L.O., de 20 anos de idade, o qual foi encontrado em sua residência a poucos metros do local do crime.

O suspeito estava com escoriações no pescoço e nas mãos, além de estar com as pernas respingadas de sangue possivelmente da vítima. Na mesma noite, as guarnições foram atender um chamado em que o suspeito estava armado com uma faca peixeira gritando que “hoje iria beber sangue”, ocorrência esta em que o acusado conseguiu escapar das guarnições pulando vários muros e adentrando num matagal.

Vale destacar que o suspeito saiu da prisão na última segunda-feira (15/04), onde responde pelo incêndio e roubo das armas do Fórum da cidade de São José de Piranhas.

A princípio, o suspeito nega a autoria do homicídio, no entanto, seus álibis não foram confirmados, motivo pelo qual o mesmo foi apresentado na Delegacia de Polícia Civil para as providências legais juntamente com as três armas brancas encontradas em sua residência.

Notícias relacionadas:

Policial
Política
Paraíba