Hospital de Sousa atendeu 4.500 crianças com problemas respiratórios nos meses de fevereiro e março

Por:

O Hospital Regional de Sousa atendeu, entre o mês de fevereiro e início do mês de março, 4.500 crianças com problemas respiratórios. Uma média de 140 atendimentos por dia. As internações de casos mais graves somam 92.

A coordenadora de Pediatria do Hospital, Dra. Kelma Dantas, explica que o alto volume de atendimento já era esperado pela unidade devido à chuva, mas que a procura está além do esperado. “É importante lembrar que a população deve procurar a atenção básica, pois há casos que não é referência do hospital. Com isso, estamos perdendo o nosso perfil de urgência e emergência e atendendo uma realidade que não é nossa e sim da atenção básica”, esclarece.

Kelma também alerta a população da região sobre alguns cuidados e prevenção para a propagação de vírus e bactérias. Para evitar que as crianças fiquem vulneráveis a doenças respiratórias, a médica recomenda manter ambiente em que elas permanecem por mais tempo arejado e limpo.

“A hidratação deve ser reforçada. É bom evitar aglomeração de pessoas. E vale lembrar que a pneumonia pode ser contraída por meio do contato com outras crianças já doente”, reforça.

A pediatra lembra também que, ao apresentar os sintomas iniciais de problemas respiratórios, os pais devem procurar o atendimento médico na Unidade Básica de Saúde mais próxima da residência. Só nos casos mais graves, levar a criança para a unidade hospitalar. “Visto o aumento da grande demanda, pedimos compreensão na espera do atendimento de acordo com a classificação de risco”, completa.

Notícias relacionadas:

Cultura
Política
Política