Jeová ataca prefeito e deve anunciar apoio à oposição

Por:

A união política entre o ex-deputado Estadual Jeová Campos do PT e o prefeito de Carrapateira José Ardison Pereira do PR, pode ter chegado ao fim neste final de semana. Os dois podem ter rompido definitivamente os laços políticos e até mesmo quebrado a amizade familiar.

Uma conversa por telefone entre o ex-deputado e o prefeito colocou fim nas especulações de que Ardison podesse apoiar a candidatura a prefeito do seu vice-prefeito Luciano, que é primo do ex-parlamentar.

Na conversa, Jeová alegou ao gestor carrapateirense que havia um acordo firmado para que Dedé Pereira apoiasse Luciano este ano para prefeito, por outro lado, o prefeito disse a Jeová que o nome de Luciano não estaria bem nas pesquisas internas,  e portanto, iria trabalhar para eleger Iarlei Pereira, embora o anúncio oficial da pré-candidatura de Iarlei só saia no final desta semana.  

O petista foi enfático e  disse que se esse acordo fosse quebrado, a partir de então passaria a existir um rompimento político entre seu grupo e o grupo do prefeito.

José Ardison acusou o deputado de querer impor a candidatura de Luciano  e afirmou que apoiá-lo seria entregar a prefeitura de graça à oposição, já que segundo ele, o povo de Carrapateira não quer Luciano para prefeito.

O rompimento do prefeito José Ardison com o ex-deputado Jeová favorece o lado da oposição que tem como pré-candidato o líder político, André Molenga. Com a decisão o grupo de Jeová deve mesmo trabalhar para tentar eleger Molenga, que inclusive, vem tendo uma grande aceitação popular.

 

 

Notícias relacionadas:

Política
Paraíba
Brasil