Liminar garante prefeita de Uiraúna à frente do cargo

Por:

O Juiz João Batista deferiu na tarde desta terça-feira (1) a liminar em Ação Cautelar apresentada pelos advogados da prefeita do município de Uiraúna Glória Geane (PSDB), e da sua vice Beunilde Maria Santiago (PMDB). Com a decisão a gestora e a vice permanecem nos cargos até o julgamento do mérito da ação pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). A informação é do advogado Aberlado Jurema Neto.

A prefeita e a vice tiveram seus mandatos cassados pelo juiz eleitoral da 53ª Vara do município de Uiraúna, Rossini Amorim Bastos, na manhã da última quinta-feira (27). Na decisão de primeiro grau, o juiz entendeu houve o suposto abuso de poder político e econômico por parte da prefeita e da vice durante as eleições de 2008.

Na decisão tomada na primeira instância, o juiz eleitoral determinou que o segundo colocado nas eleições de 2008 fosse empossado imediatamente. A decisão de primeiro grau cabe recurso e a prefeita deve recorrer junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB).

PolíticaPB

Notícias relacionadas:

Paraíba
Cotidiano
Cotidiano