Túnel de 15 km é iniciado em São José de Piranhas

Por:

EXCLUSIVO – Começa em São José de Piranhas, no Alto Sertão paraibano, a escavação do maior túnel subterrâneo do Brasil.  Máquinas e operários já iniciaram a execução da obra na localidade denominada de sítio Curral da Onça, que fica a 18 quilômetros da sede do município. Logo na primeira semana, um susto. Uma barreira que desabou quase atingiu operários em serviço.

Com 15 quilômetros de extensão, o túnel Cuncas I, obra que faz parte do ‘Lote 14’ do Eixo Norte da transposição do São Francisco sairá de Mauriti no Ceará, passando por baixo de uma serra no município de Monte Horebe até chegar em São José de Piranhas.
“Ele emboca em Mauriti (CE), onde as obras também já iniciaram, passa pelo subsolo do município de Monte Horebe (PB), onde será aberta uma janela de serviço e desemboca na Barragem de Morros (em construção) em São José de Piranhas”, explicou à reportagem do portal Radar Sertanejo o encarregado Moraes Pedro da Silva, que trabalha no Consórcio responsável pelo trecho da obra.
 

Além do Cuncas I, que tem prazo de quatro anos e seis meses para ser concluído, outro túnel (Cuncas II) que vai de São José de Piranhas até Cajazeiras será iniciado na próxima semana. Juntas, estas duas obras estão orçadas em R$ 203,3 milhões.
 
Aos poucos, o projeto de integração das bacias hidrográficas através da transposição do Rio São Francisco está cada vez mais perto de virar realidade. Segundo o Ministério da Integração, os 402 quilômetros do Eixo Norte, que vai de Cabrobó (PE) a Cajazeiras (PB), deve começar a funcionar em dezembro de 2012.

Notícias relacionadas:

Cidades
Cultura
Cidades