Concursados da PM e PC protestam em Campina Grande

Por:

Concursados da Polícia Civil, Polícia Militar, sistema penitenciário, Cagepa e outros órgãos fizeram uma grande mobilização neste sábado (24), em Campina Grande. A manifestação começou às 9h, na Praça da Bandeira, no Centro da cidade.

Eles montaram uma tenda na praça, afixaram faixas e distribuíram um jornal com os dados da violência no Estado. Todo o material ficou bem exposto para as pessoas que circulavam pela área do movimento.

Algumas faixas eram exibidas nos sinais de trânsito, ao passo em que os panfletos e jornais eram entregues à população, que demonstrou apoio ao protesto.

Em seguida, os concursados fizeram uma passeata e carreata pelas principais ruas centrais de Campina Grande – Maciel Pinheiro, João Suassuna, João Pessoa e avenida Floriano Peixoto.

Ao passar por este último ponto, a manifestação se deparou com uma passeata organizada pela “Coligação Paraíba Unida”, da qual participavam o candidato José Maranhão e o prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego.

Enquanto a passeata da coligação maranhista gritava palavras de apoio ao candidato, os concursados expressavam a insatisfação de esperar dois anos pela convocação do governo.

Uma guarnição da ROTAM e outra da Tropa de CHOQUE da Polícia Militar foram acionadas, mas não foi preciso a intervenção da polícia no movimento, visto que o manifesto foi realizado dentro da normalidade.

As comissões que representam cada grupo de concursados disseram que o movimento foi um sucesso e já estão programando outros protestos.

Concursos

Os concursos da Polícia Civil, Polícia Militar e sistema penitenciário foram realizados em 2008. No caso da PC, que oferece 1.162 vagas, ninguém foi chamado ainda. Na PM, mais de 300 aprovados estão à espera de convocação, e no sistema penitenciário, onde caos domina os presídios, são exatamente 1.400 concursos à espera de nomeação.
 

Notícias relacionadas:

Política
Política
Policial