Cerca de 10 mil migrantes retornarão ao Alto Sertão até o Reveillon

Por:

Pelo menos 10 mil trabalhadores rurais temporários do Alto Sertão paraibano devem retornar do Estado de São Paulo para a sua cidade natal até o próximo dia 31 de dezembro.

Diariamente chega dezenas de ônibus trazendo os migrantes que partiram para o Sudeste do país nos meses de maio e junho deste ano para trabalhar no corte da cana-de-açúcar nas usinas do interior paulista.
Nas pequenas cidades a população aumenta em até 10 % nesta época do ano com o retorno desses trabalhadores.

Cada vez mais os cortadores de cana-de-açúcar nordestinos têm aumentado a migração para trabalhar nos canaviais. Muitas famílias de baixa renda que residem nas zonas rurais vêem nessa atividade a principal saída para mudar de vida.

Muitos jovens abandonam os estudos para viajar junto do pai, irmãos mais velhos ou até mesmo conhecidos da família para ir cortar cana. Um trabalho exaustivo que já tem provocado até mortes por conta do cansaço, já que os trabalhadores ganham por produtividade e se esforçam ao máximo para conseguir um salário melhor.

Dida Gonçalves
WWW.RADARSERTANEJO.COM

Notícias relacionadas:

Cultura
Cidades
Policial